domingo, 11 de novembro de 2012

Furacão Sandy

Amanda Lima


Não, este não é mais um texto sobre o furacão Sandy ou sobre a Nana Gouvêa. Surrupiei o nome apenas para simbolizar o especial de hoje: letras de músicas que não fazem sentido, daquela dupla que você com certeza já escutou milhões de vezes e inventou coreografias no quintal de sua casa. Com vocês, a poesia em Sandy e Junior.

1. A Lenda
"Se a lua toca no mar
Ela pode nos tocar
Pra dizer que o amor não se acabe"

Apesar de ter pôsteres na parede do quarto, colecionar todos os discos (ou fita-cassetes) e chorar ao vê-los no palco, você pode ter deixado escapar detalhes sutis em A Lenda. O início da canção mostra a você o quanto a lua é solitária e triste. "Bem lá no céu uma lua existe / Vivendo só no seu mundo triste". Mas essa não é a grande questão. O que me intriga é pensar que a lua nos toca "pra dizer que o amor não se acabe". (?)

2. Pinguilim
"Quando eu era bem pequenininho
Minha mãe me deu um brinquedinho
Ele se tornou uma estrela para mim
Por isso eu chamei de meu pinguilim
Meu pinguilim, meu pinguilim
Quero brincar com meu pinguilim
Meu pinguilim, meu pinguilim"


Não foi um dos grandes sucessos, mas acho mancada que duas crianças inocentes e indefesas possam alimentar mentes maliciosas por aí. Pinguilim?

3. Vai ter que rebolar
"Eu tô apaixonado
E topo o que der e vier
Contigo, com dois tigos,
Quantos tigos que quiser"

"Quantos tigos que quiser"? Pode começar a rebolar, Junior.

4. Pega na mentira
"Barato é o marido da barata"

Auto-explicativo.

5. Imortal
"O que é imortal não morre no final"

Se custa lembrar outra parte da música que não seja o refrão:"É bem assim que estou / É tudo que restou / Eu tive que escolher entre eu e te perder". Dá para perdoar a troca do 'mim' pelo 'eu' quando você tenta cantar, na mesma melodia, "entre mim e te perder". Continuando, temos: "Eu cresci e agora sou mulher / Tenho que encarar com muita fé / Seria o bastante". Não sei quanto a você, mas acho que o último verso só está aí para completar a estrofe. Mas o melhor está por vir: "O que é imortal não morre no final". Jura? E ainda depois vem um "E se distante é assim". É muito para mim. Parei.

@mandiml

Nenhum comentário:

Postar um comentário