sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Brincadeira de criança

Mayara Abreu Mendes

Hoje é dia das crianças e, para quem não sabe, o Play This Beat é um bebê de um ano, dois meses e seis dias. Por isso, pensei em fazer um post para as crianças dos anos 90, assim como todas nós, colunistas do blog.

Minha intenção é falar desde desenhos animados a novelas mexicanas, passando levemente por clássicos musicais, como KLB, Rouge, uns pagodes e um pouco de axé. E começa agora o flashback.


Vou começar com a incrível e imbatível Eliana e a dança do Pop-pop. Sei que a mais marcante dela é a dos dedinhos, mas Pop-pop parecia ser muito pura para mim. Só que, fazendo uma análise, percebi que a Eliana é uma depravada. Escutem e façam o julgamento de vocês.

Pop Pop by Eliana on Grooveshark

Seguindo a linha “sou apresentadora e cantora”, Xuxa e a lua de cristal, um hino da geração de baixinhos que viram mil programas diferentes da Xuxa na TV (inclusive aquele em que a nave pegou fogo).

Lua de Cristal by Xuxa on Grooveshark

Mudando para a linha de animação, quem não assistia Pokémon, não merece meu respeito. Completei o álbum da primeira temporada e fui muito feliz com Ash, Brock, Misty, a equipe Rocket e todos os pokémons maneiros.

Pokmon 1 Tema de Abertura Completa, Verso Brasileira by Ion Storm on Grooveshark


Continuando, essa música de abertura exige o vídeo também. O Fantástico Mundo de Bob é um dos desenhos mais geniais já feitos pelo homem. Sdds, Bob.


De desenho animado para seriado, quem nunca quis ser o Nino do Castelo Rá Tim Bum? Servia o Zequinha, o Pedro ou a Biba (RSRS) também. Um sonho: um quarto igual ao do Nino.


Agora, novelas (do SBT). A preferida de todos: Chiquititas. Quem nunca chorou com Chiquititas não sabe o que é ter sentimentos. Uma novela que envolvia música, tinha um apelo emocional e muito romance. Melhor que Malhação. (aberturas de novela merecem o vídeo para a gente relembrar)


Indo para a linha mexicana, de todas as opções, a minha preferida é Cúmplices de um Resgate. Música, gêmeas separadas na maternidade, gêmea rica que não sabe cantar, gêmea pobre com talentos musicais, muitas aventuras, Belinda sendo trocada no meio da novela... Muitas emoções. E cabelos coloridos


A linha trash merece destaque também (ah tá, o resto não era trash, não). Começando com categoria, para todos que já desceram na boquinha da garrafa. E não com É O Tchan, mas sim com Cia. do Pagode.

Na Boquinha da Garrafa by Companhia Do Pagode on Grooveshark

É O Tchan pra você que sabe segurá-lo e amarrá-lo desde pequeno (na falta de música, foi o vídeo. É bom para relembrar a coreografia maravilhosa).


Bom era ser feliz com Molejão. Todo mundo varrendo atrás de alguém.

Dança da vassoura by Grupo Molejo on Grooveshark

P.O. Box e todo o sentido do mundo numa letra composta por vários idiomas. Acho chique.

Papo de Jacaré by P.O.Box on Grooveshark

Quem nunca sofreu com a dor de um amor e pediu para a vida devolver as fantasias e os sonhos de viver não tem coração. KLB é romance.

A dor desse amor by KLB on Grooveshark

Falar de Rouge e citar Ragatanga é errado. Ragatanga é de outra banda. Beijo molhado, lábios de mel (alow, Iracema) e eu sei que vou trazer você para mim.

Beijo Molhado by Rouge on Grooveshark

Falei de Rouge, tenho que falar de Br’Oz. Você é minha prometida, eu vou gritar para todo mundo.

Prometida by BR'OZ on Grooveshark

Sandy & Júnior. A dupla que teve o fim mais triste da minha vida. Eles não existem separadamente. Os dois marcaram anos da minha vida, cresci com eles. O tchuru tchuru do meu coração jamais foi o mesmo depois da separação.

Quando Voce Passa by Sandy & Junior on Grooveshark

Para fechar essa seleção nostalgia, a melhor banda de todos os tempos: Mamonas Assassinas. Um CD glorioso. Todas as músicas tinham potencial para hit e o sucesso deles só iria crescer. Sdds eternas, Mamonas.

Robocop Gay by Mamonas Assassinas on Grooveshark

2 comentários:

  1. Noooossa, viajei 20 anos atrás....ñ estou velha, só os anos que passaram kkkk....
    Adorei a matéria!

    ResponderExcluir
  2. Obrigada, tia Vanessa! Fiquei surtando muito vendo os anos de lançamento dessas músicas e pensando em como ~~os anos passaram~~ (jamais em como fiquei velha, hahaha)

    ResponderExcluir