segunda-feira, 30 de julho de 2012

Rock contemporânero: alternativo e diversificado


Carolina Rodrigues

O rock dos anos 2000 contou com um ótimo aliado: a internet. No início da década, esse estilo musical – que se tornou um dos mais promissores de todos os tempos – parecia ter perdido sua força. A música pop, voltada para fins comerciais e para o público jovem, ganhou espaço com suas inovações tecnológicas. Ao mesmo tempo, algumas bandas de rock se inspiravam demais nos seus grandes e antigos ídolos e não alcançavam o sucesso, uma vez que os tempos eram outros e as necessidades musicais também. É claro que o rock construído nas décadas anteriores, que nos faz lembrar Beatles e Rolling Stones, ainda faz sucesso e faz arrepiar. Mas é preciso inovar sempre. Foi assim que surgiu, então, o Rock Alternativo Contemporâneo.

Como eu já disse, a internet foi fator primordial para a consolidação e divulgação do Rock Alternativo dos anos 2000, bem como dos subgêneros que surgiram. Artistas podiam compor, gravar e divulgar suas músicas sem estarem vinculados a gravadoras. Tudo era possível com apenas alguns cliques. Dessa maneira, surgiu um novo cenário musical, repleto de diversidade.

Os subgêneros

A banda norrte-americana The Strokes (Divulgação)
O indie rock dessa década se afastou um pouco da proposta original, aproximando-se do pop, que estava em alta. A banda The Strokes é uma das mais influentes; surgiu nos EUA e fez sucesso no mundo todo. É tida como a salvadora do rock, que parecia estar bem esquecido no início dos anos 2000. O primeiro disco do grupo, Is This It, é uma das grandes referências do rock de garagem – aquele rock independente que agora possui a internet como aliada.
 
You Only Live Once by The Strokes on Grooveshark

O dance-punk é uma mistura de ritmos e batidas que lembra a música eletrônica, também em alta nos anos 2000 – principalmente devido às inovações tecnológicas que foram possíveis na época e que se atualizam cada vez mais. Um grande exemplo é o grupo LCD Soundsystem.
All My Friends by LCD Soundsystem on Grooveshark

O love metal foi criado em 2003 e traz músicas românticas de metal inspiradas em livros do romantismo do século XIX. Como exemplo, temos a banda Negative.

After All by Negative on Grooveshark

O rock no Brasil

O começo da década no Brasil foi marcado por diversos acontecimentos tristes no mundo do rock. Em 2001, Herbert Vianna, guitarrista e vocalista da banda Paralamas do Sucesso, sofreu um acidente de avião e ficou paraplégico. Marcelo Yuka, baterista do grupo O Rappa, foi baleado e também tornou-se paraplégico. Marcelo Frommer, guitarrista do Titãs, morreu atropelado e Cássia Eller morreu de um infarto do miocárdio.

A cantora de rock Pitty (Divulgação)
Entretanto, apesar dos pesares, o Brasil contou com novos expoentes do rock que condiziam com a diversidade da época. Dentre eles, estão Bidê ou Balde, Cachorro Grande, CPM 22, Pitty, Detonautas Roque Clube e CSS (Cansei de Ser Sexy).

Nada melhor do que escutar um pouco do som desses rockeiros que, de um jeito ou de outro, ajudaram a manter o rock vivo, por mais diferente e diversificado que ele esteja.
 
kkk by Carol Rodrigues on Grooveshark

Nenhum comentário:

Postar um comentário