terça-feira, 11 de outubro de 2011

Qual a relação entre música, natureza e tecnologia?

Explorando a tecnologia, Björk lança álbum-aplicativo.

Julia Germano Travieso

Distante do público geral, a cantora islandesa Björk trabalhava desde 2008 em seu mais novo álbum, Biophilia, produzido em parceria com a Apple Inc. e lançado em 10 de outubro. Segundo ela, trata-se de uma coleção multimídia abrangendo música, aplicativos para iPads e iPhones, internet, instalações e shows ao vivo. 

Biophilia foi produzido em parceria com a Apple.
Foto: Inez van Lamsweerde & Vinoodh Matadin
 CrystallineCosmogonyVirus e Moon são canções que fazem parte do novo álbum e já foram lançadas como single, mostrando aos fãs um pouco do que está por vir. No entanto, o disco, que tinha lançamento marcado para o dia 26 de setembro, acabou sendo adiado para o dia 10 de outubro, decepcionando os fãs.

Mas a espera foi muito bem recompensada: a islandesa aclamada pela crítica por seu experimentalismo musical decidiu revolucionar no campo da tecnologia também, disponibilizando seu álbum na internet de um modo inovador. 

O projeto, dirigido por Michel Gondry, estrutura-se em um aplicativo 'mãe', cujo download pode ser feito gratuitamente pela Apple Store, e em outros dez menores (download a US$ 1,99 por App) que se relacionam com as faixas do álbum. Eles devem ser atualizados constantemente e possuem jogos, partituras, animações, um ensaio musical e imagens de shows ao vivo. 

A composição do álbum é interessante: utilizaram-se vários recursos eletrônicos do iPad para a construção da base 'gameleste' que acompanha músicas como Crystalline. Já Thunderbolt teve como instrumento principal uma bobina de Tesla, enquanto um grupo de pêndulos imitou o Pêndulo de Focault em Solstice. Moon, por sua vez, tem em sua estrutura diferentes ciclos musicais que se repetem, imitando o movimento lunar. 

Depois de ouvir cuidadosamente a cada uma das faixas e navegar por todos os aplicativos, torna-se possível chegar onde Björk queria que chegássemos: ao encontro de uma relação entre música, natureza e tecnologia. 

Ouça as dez faixas que compõem Biophilia:

Nenhum comentário:

Postar um comentário