segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Uma possível diva da música

Cantora mirim com potencial para uma carreira de muito sucesso.

Mayara Abreu Mendes

Em meio a um papo de amigos, fui apresentada a uma pequena, porém brilhante menina de 10 anos chamada Connie Talbot. Estávamos vendo vídeos musicais quando uma de nós colocou o que seria apenas mais um cover musical de Rolling In The Deep, da Adele. Só que a Connie não era mais uma menininha cantando músicas famosas. Ela impressionou todo mundo que estava assistindo com sua voz maravilhosa e afinação impecável.




Alguns dias depois, resolvi pesquisar sobre a Connie e descobri que, quando a menina tinha apenas seis anos de idade, participou do "Britain's Got Talent", programa de televisão que revela talentos na Inglaterra. Connie conquistou o coração de um dos jurados mais críticos e difíceis de agradar, Simon Cowell, cantando a música Somewhere Over The Rainbow. A menina chegou até o final da competição e alcançou o segundo lugar, realizando uma de suas vontades, que era ajudar a África com o dinheiro fornecido pelo programa.

Por causa de todo seu talento e o destaque adquirido durante o programa, Connie Talbot recebeu uma proposta da gravadora Sony, porém não pôde aceitar por sua pouca idade. Felizmente, a gravadora "Rainbow Recording Company" fez uma proposta diferente e a menina gravou seu primeiro disco, o Over The Rainbow. Desde então, Connie gravou outros discos e fez turnê por países da Ásia, Europa e pelos Estados Unidos.

Passaram-se alguns anos desde seu sucesso repentino e a voz da doce menina Connie ficou e tem ficado cada vez mais afinada e com fácil adaptação a diferentes estilos musicais. Entretanto, poucas pessoas continuaram acompanhando sua carreira. A menina está perto de fazer 11 anos e tenho certeza que sua vida artística está apenas começando.





Um comentário: